*A Sonhadora

*pesquisar

 

*Setembro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30

*Sonhos Recentes

* Novo Blog

* 20

* Contradições

* Fogueira

* AMO-TE N.M.B.R.!!!

* ???

* Cada vez mais perdida...

* Maybe Lost Maybe Found...

* Voa...

* Limão...

*Sonhos Meus

* Setembro 2006

* Agosto 2006

* Julho 2006

* Junho 2006

* Maio 2006

* Abril 2006

* Março 2006

* Fevereiro 2006

* Dezembro 2005

* Novembro 2005

* Outubro 2005

* Setembro 2005

* Agosto 2005

* Julho 2005

* Junho 2005

* Maio 2005

* Abril 2005

* Março 2005

*Tags

* todas as tags

*Favoritos

* ...

* ...

* QUEM SOU EU...

* ...

* Vagas Palavras - Mistério...

* (147) O tempo

* Mais uma tarde a repetir....

* Uma feliz recordação das ...

*as minhas fotos

blogs SAPO

*subscrever feeds

Segunda-feira, 30 de Maio de 2005

Tens meu coração... É teu...

AMO-TE NUNO!


E sim, faria tudo por ti, não tenhas duvidas disso... Assim como nunca podes duvidar do que sinto, da força e da imensidão deste amor que me aqueçe o coração e, ao mesmo tempo, o destroi por não ser correspondido...


Acho que pelo que falámos hoje ficou bem claro que estou disposta a tudo para te ter para mim... Acho que é claro para todos verem que te amo... Dizes que estás mais virado para ela mas que ainda não namoram e por enquanto não vão namorar... E é esse enquanto, esse "ainda não" a que me agarro para ter forças, é a esse "ainda" que me apeguei para tentar lutar por ti... Sem saber como o fazer...


E ficaste chatiado por ver algo que escrevi para ti há dias, minutos após ler o que escreveste para ela... Que tinha raiva de ti... Não é esse tipo de raiva que pensas... É raiva no sentido de dor em mim, no sentido que queria que visses o que sinto por ti, que o que mais queria é ter-te para mim... E tu não vês... Duvidas... Dizes que não é verdadeiro... Porque duvidas de mim? O que te fiz para duvidares assim? Sempre te fui sincera... Só me podes acusar de te esconder uma coisa... De não te dizer uma coisa... Que te amava há mais tempo... Mas nem eu tinha consciência disso... E quando a tive passados uns dias vejo aquilo no teu hi5... E morri por dentro... Rebentei... Chorei a noite inteira... Senti-me grata a Deus por trabalhar e por ser o trabalho que é, um que não me dá tempo para estar parada, um que não me permite pensar muito... Mas nem isso... Parecia tortura... Nesse dia quase não havia clientes... Loja às moscas... E eu ali, no meio de tanta gente e tão sozinha... A chorar por dentro com vontade de gritar, gritar bem alto, o quanto me doia, o quanto te amava, o quanto me estava a doer toda aquela situação... Mas recuperei a calma... Decidi falar contigo... E assim o fiz lembras-te? Fui falar contigo e perguntei-te directamente quem era a Diana... Tinha de ter a confirmação que era a tal amiga de que me tinhas falado... Falaste-me dela mas nunca esperei que fosse uma amizade assim, disseste amiga e mexeu cá dentro mas nunca imaginei que fosse mais que amiga... E as tuas palavras no hi5 eram para mais que uma amiga! E agora mais uma vez não me respondes e volto a gritar para ninguém ouvir... AMO-TE NUNO!


Amo-te com toda a minha alma, com todo o meu ser... E tu não estás nem aí, não queres nem saber... Diz-me de uma vez que prova queres que eu vá fazer para te provar o quanto te amo... Acho que é claro o que sinto mas se precisas de uma prova tudo bem... Diz-me qual! Vá... Diz! É aquela de que falámos? É outra? Se for aquela é só dizeres e, como te disse, assim farei...


Não sei mais o que fazer para te demonstrar o meu amor...


Sinto-me de mão e pés atados a ir ao fundo... E AMO-TE tanto...


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua... Hoje num pesadelo do qual não consegue acordar, num pesadelo ao qual chamamos realidade!

Domingo, 29 de Maio de 2005

AMO-TE... E agora tu já o sabes...

Ganhei coragem e disse-te de uma vez o que sinto por ti... O quanto te amo... O quanto me doi saber que a outra rapariga está tão presente na tua via... O quanto tu já és especial para mim... O que eu faria para e por ti... E acho que hoje finalmente entendeste, após um mês, que te amo de verdade Nuno, que há muito que não me sentia assim... És especial sim... És muito especial e mereces ser feliz como te disse... Quero que saibas que eu faria de tudo para que fosses feliz... Que tens aqui uma tonta apaixonada que, no que dependesse dela, tu andarias sempre feliz e contente com um sorriso de orelha a orelha... Será que tu queres? Será que já entendeste o quanto te amo mesmo? Não sei ainda... Mas sei que já sabes que te amo... Ganhei coragem e disse-to de uma vez...


Escrevo aqui sabendo que não vês... E gostava que lesses esta lua... Ia ficar tudo mais claro na tua mente e irias entender até que ponto vai o meu sentimento por ti... Quero que saibas também que não vou desistir de ti... Não ainda... Vou à luta lindo... Vi uma luzinha minima ao fundo do tunel e vou para lá... Quem sabe não seja o fim do tunel e chegue finalmente ao paraiso onde estás tu de braços abertos me esperando? Espero é que não seja um comboio e estar a correr para levar com ele em cima e o tunel não ter fim... Acima de tudo quero que sejas feliz lindo... Queria que o fosses comigo como deves compreender... Mas só quero que sejas feliz!


E não posso ir trabalhar sem antes te deixar um beijo enorme transbordando amor, ternura, carinho, doçura e paixão, só para ti amor... E mais uma coisinha... Achavas que me tinha esquecido né? Naaaaaaaa, pois se fui a primeira a desejar-tos também não me ia embora sem desejar de novo... PARABÉNS NUNO! Parabéns meu amor...


Para quem me lê de vez em quando... O blog não tem tido tantas visitas ou pelo menos não comentam tanto... Espero não andar muito lamechas e vos desiludir... Mas tenho de escrever, escrever muito sobre o que sinto para me compreender a mim mesma acima de tudo... Obrigado a todos os que me têm dado força...


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua!

Sábado, 28 de Maio de 2005

Que alguém me explique...

Como é possivel que o amor, um sentimento que nos devia fazer felizes, nos possa fazer sofrer tanto... Que o mesmo amor que tem o poder de nos fazer ver tudo colorido nos consiga lançar para o meio da escuridão de novo? Como é possivel que aquele que nos fez voltar a sorrir seja aquele que mais nos faz chorar? Porque tem de ser assim alguém me sabe explicar? Porque tem de doer assim? Porque tem de parecer que a cada segundo que passou após ler aquelas simples frases me estão a espetar mil e uma facas no peito sem dó nem piedade? Porquê? Porquê que aquele que me devolveu a felicidade e o sorriso nos lábios mos levou de volta e meu coração por arrasto? Porque é que eu fui tão burra? Como é que eu não vi? Estava mesmo à minha frente... Ele não tentava me ver mais... Não parecia interessado em me ver mais... Eu falava e ele nem respondia mais...Então porque está a doer demais? Logo ele... Logo ele que me tinha dito que iria ser sempre sincero comigo... Onde está a sinceridade agora? Perdeu-se? Onde será que ele a deixou? No mesmo beco sem saida onde largou meu coração?


Sinto raiva dele mas acima disso sinto raiva de mim por me ter deixado envolver por ele, por o amar tanto assim apesar disto tudo... Por ser uma burra e uma tonta apaixonada... Por o querer para mim apesar de tudo... Mesmo sabendo o que ele me está a fazer eu ainda o quero... Serei assim tão tolinha? Talvez mas amo-o e não posso fazer nada quanto a isso já... Não para já... Levei quase um ano e meio para avançar e tirar o meu ex do Algarve do coração e ele nunca saiu de lá a 100% então agora... Como fazê-lo com alguém tão próximo de mim? Como fazê-lo com alguém com quem passei momentos tão especiais aqui mesmo neste quarto de onde vos escrevo... Na rua aqui em frente... Na rua abaixo... No jardim... Na estação... Na praia... No centro comercial onde ele trabalha... Nos comboios... No metro... E doiiiii! Como doi cá dentro relembrar a cada momento que passa situações vividas por nós, pedaços de uma história para a qual imaginava um fim bem diferente...


O que posso fazer agora alguém me sabe dizer? Como diz a maluca responsável é avançar e se ele tiver de ser meu será... Dar tempo ao tempo... E o que devo fazer entretanto para aliviar esta dor que me dilacera o peito? DOI! Como doi... E eu queria estar a sonhar... Acordar e saber que não passou de um pesadelo horrivel... Abrir os olhos naquela praia e vê-lo de novo junto a mim... Senti-lo junto a mim e beijá-lo, beijá-lo muito... E gritar para o mundo todo ouvir que eu o amo... Mas eu estava a sonhar sim... Estava a sonhar alto demais quando achei que poderiamos ter um futuro juntos, quando achei que ele poderia um dia me amar como eu o amo...


Que me desculpem se estiver muito chatinha mas preciso mesmo arrancar estes sentimentos cá de dentro para não me torturarem tanto...


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua!

Sonhado por Azulinha às 08:43

Atalho para o Sonho | Sonha comigo | Adiciona este sonho
|
Quinta-feira, 26 de Maio de 2005

Acabou um sonho...

Não adianta mais ter esperanças vãs, acabou... E eu já o sabia... Já o sentia... Já o pressentia... E raramente me engano! Aquele aperto no peito não podia querer dizer coisa boa... E foi-se... Ele foi-se... Saiu da minha vida da mesma forma que entrou... De mansinho... Pela calada... Sem eu me dar conta até ser tarde demais! E levou meu coração com ele para o deixar por aí perdido, abandonado, sozinho nalgum beco escuro e frio... Para quê? Porquê me deixar neste estado, me fazer amá-lo, para depois me deixar sem uma explicação, dedicar coisas à outra rapariga, à Diana... Dia 20 de Maio diz ele... Terá sido esse o dia em que começaram? Não posso acreditar que falámos depois disso e ele não me disse nada, justo ele que sempre disse ser sincero... Porquê? Porquê fazer isto a alguém? Que mal lhe fiz para ele me vir tirar do meu mundinho, para me vir roubar o coração para o partir assim que fosse total e incondicionalmente dele? Faz sentido para vocês? Para mim não...


Há muito, muito, tempo que não sentia uma dor assim... É como ter chegado ao ceu e negarem-me a entrada após escalar todo o caminho que me levaria até este... Empurrarem-me para o fundo de novo... Porquê? Eu só queria saber porquê... Só isso... Porquê? Sinto que não vou aguentar, sinto-me a rebentar com a dor... Chega a doer fisicamente... Como pode ser isso? Mas doi, é um facto, doi demais... Queria acordar... Digam-me que isto é um pesadelo e eu vou acordar na minha caminha e nada disto se passou... Digam!


"And if i bleed, i'll bleed knowing you don't care... And if i sleep just to dream of you, i'll wake without you there..." Não podia ser mais verdade, "meus" queridos Evanescence não me falharam neste momento... E meus amados Linkin Park mais uma vez aplicados à minha vida... Não é à toa que a minha musica preferia diz exactamente "i tried so hard and got so far but in the end it doesn't even matter..."!


Enfim...


Sejam felizes!


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua (hoje bem negra...)!

Quarta-feira, 25 de Maio de 2005

Para quê? Porquê?

Se te mostrar por a mais b que estou diferente,


se te mostrar o quanto preciso de ti,


ficarias mesmo assim indeferente


enquanto grito para o mundo que te quero aqui?


Será que voltarias a pensar,


que poderias tentar reconsiderar


e finalmente irias ver


que faria de tudo para te ter?


Amor, quero-te só para mim,


basta de ficarmos apenas assim


como bons amigos com algo especial,


me magoando pois és o tal...


Basta de seres apenas um amigo


quando já me és tão querido


e sonho que um dia fiques comigo...


Vê se entendes que quero ser feliz contigo!


Tenho vontade de gritar para o mundo inteiro ouvir que te amo,


tenho vontade de deitar e chorar bem baixinho aqui no meu canto,


tenho vontade de chegar bem junto a ti e te beijar apaixonadamente,


tenho vontade de te gritar aos teus ouvidos para que abras tua mente...


Porque será que não vês, não entendes, não sentes o que eu estou a sentir? Porque me torturas com noticias de uma amiga que ganhou um carinho especial no teu coração? Ao ponto de a deixares entrar com o teu mail no msn... Ao ponto de teres algo direccionado a ela no hi5... Dia 2 de Maio... Nesse dia estávamos bem... Que é aquilo? Como posso te entender quando não te abres para mim? Dia 2 de Maio... Meu primeiro dia de trabalho... Que é isso Nuno? Não te entendo... Mas amo-te e amo-te demais... E doi, tu fazes meu coração doer... Nunca esperei que isto fosse acontecer...


Lembras-te quando brincavas comigo dizenndo que até ao fim da época de futsal, que tu jogas e eu amo ver, irias fazer com que eu me apaixonasse por ti? Eu ria, achava que não serias capaz, eu estava com outro rapaz... E amava o meu ex do Algarve lembras-te? Quase 3 meses faltavam para o próximo fim-de-semana, o do fim da época... E não é que conseguiste? Como ninguém tu conseguiste entrar de mansinho e ir ficando e esticando o teu espaço dentro do meu coração... E para quê? Explica-me... Para quê Nuno? Para quê aqueles dias na praia em que não era o sol que me aquecia mas o amor que eu sentia? Para que aqueles momentos após estarmos a trabalhar se agora apenas me fazes chorar? Porque me torturas assim? Porque fazes isto logo a mim? Vê se entendes que te amo duma vez por todas e te decides... Temos chances ou não? Foi isto que te perguntei já e que pergunto de novo... Temos chances ou não?


Queria agradecer ao lovejohn pelas palavras de apoio e carinho que me tem dedicado mesmo não me conhecendo bem... Foi mais um exemplo que neste mundinho virtual podemos ter a sorte de encontrar pessoas simpáticas e doces! Assim como podemos encontrar o nosso grande amor e perdê-lo para outra que ele conheceu também aqui... Enfim...


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua!

Terça-feira, 24 de Maio de 2005

AMO-TE!

Sofro, neste momento só vos posso dizer isto... Sofro demais! Doi demais! Magoa demais! Sabem quando a dor que sentimos a nível emocional é tão forte que chega a doer fisicamente? Sabem o que doi ouvirmos daquele que amamos uma frase simples como um "acho que a nossa relação devia ser só de amizade"? Imaginam a dor que é desencadeada por uma frase tão simples quanto esta? Aparentemente uma frase não deveria ter tanto poder... Mas tem! Não deveria conseguir me fazer chorar... Mas faz! Não deveria ter força para rebentar com meu coração... Mas fez! E doi, como doi... Mesmo a musica mais alegre me soa triste, mesmo a mais bela das fases da lua perdeu a sua beleza... Ficou um frio, um gelo, pior que um inverno gelado... Uma solidão, a escuridão, a dor... As sombras... E eu aqui, sem ele...


Levei tanto tempo para abrir de novo o meu coração para um outro alguém para depois acabar no fundo do desfiladeiro de novo, para me empurrarem para o precipicio de novo, para me cortarem as asas de novo... Como é possível aquele rapaz ter ganho a importância que ganhou na minha vida? Como é possível eu ter vontade de gritar para todo o mundo ouvir que o adoro, que o quero, que preciso dele, que sinto saudades dele, que sinto falta dele... Que o amo! Nem eu mesma acredito que finalmente disse isto que me tem estado a martelar o coração há uns dias... O entendimento sobre mim mesma que não tinha...


Há uns dias eu vi e entendi aquilo que lutei para não voltar a sentir e que eu mesma tentei esconder numa caixinha fechada e trancada a sete chaves... Que o amo... E não posso é não devo e não quero e tenho medo... Tanto medo! Tenho medo de sofrer mais uma vez, de não ser correspondida mais uma vez... Parece um filme que se repete na minha vida... Começa tudo muito bem... Um sonho tornado realidade... Uma história de encantar como as que me contavam quando era criança... Para depois tudo desaparecer e deixar de ser correspondida por mais que faça e lute para o contrário...


"EU AMO-TE Nuno! E doi este amor... Quero ser tua... Quero que sejas meu... Amo-te tanto porquê? Explica-me!" Tenho vontade de lhe gritar isto na cara, de lhe gritar o quanto o amo e ele está a atirar isso pela janela fora...


Amo-Te Nuno, meu Leãozinho como gosto de te chamar aqui...


Tentei negar para todos e para mim mesma mas eu amo-te...


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua (hoje cheia e linda apesar da minha tristeza...)!

Segunda-feira, 23 de Maio de 2005

Porque será que não vês???

ACORDA! Porque é que não vês que faria tudo por ti? Que te quero? Que preciso de ti? Que te... Que eu te... Merda Nuno porque será que não vês que eu te adoro deste jeito? Porque será que não metes nessa tua cabeçinha linda que não quero mais nenhum rapaz? Que conseguiste me tocar como só uma vez me tocaram? Que me fizeste apaixonar a um ponto como só uma vez estive apaixonada? Que há muito tempo que não gostava tanto de um rapaz como gosto de ti? Porra, será que não vês ou não queres mesmo ver?


Nuno, sim Nuno és tu, vê duma vez que te adoro e que quero ser mais que uma amiga para ti... E se isso não for o que queres de mim diz-me de uma vez também... Não aguento mais viver assim, contigo a dar-me para trás, a dizer que não dá porque não nos iriamos ver o suficiente... Mas eu tento estar contigo e tu não podes!


Leãozinho do meu coração "DWT e MT!"...


 


O que vocês fariam? Insistiam, tentavam esquecer? O que fariam no meu lugar? Tenho amigas que me dizem para ir à luta mas como? Já não sei mais o que fazer para lhe demonstrar o que sinto por ele... Tenho outras que me dizem para avançar, rapazes não me faltariam, bastava eu querer... Ok, mas eu não quero nenhum deles, eu quero o Leãozinho, o Nuno... O que faço? Ajudem-me!


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua!

Sonhado por Azulinha às 19:33

Atalho para o Sonho | Sonha comigo | Adiciona este sonho
|
Quinta-feira, 19 de Maio de 2005

Acorda e vê Leãozinho...

Que me desculpem os que lerem mas quero mesmo tirar isto cá de dentro...


Leãozinho acorda para a vida, vê o que está a tua frente... Vê se abres os olhos e vês que te adoro e que "adoro" já é pouco para dizer o que sinto por ti... Vê se metes nessa tua cabeçinha linda que o destino somos nós quem fazemos e que se tentarmos podemos ficar juntos... Vê se percebes que basta falar e combinar e vemo-nos várias vezes... Acorda e vê que te quero para mim, que sinto a tua falta, que já és uma parte de mim...


Porra Leãozinho, só tu não vês o que sinto por ti... Só tu não sentes que te adoro mais que o adorar, que sinto por ti coisas que ultrapassaram largamente a amizade normal... Que mesmo uma amizade colorida é pouco para este coração apaixonado!


 "Open your heart, your eyes will follow... Open your heart and find the answer..." É ao contrario a musica, eu sei, mas fica aqui esta parte de uma musica que adoro e que diz tanto, tanto, do que te quero dizer neste momento! Só quero que percebas duma vez por todos que estou apaixonada por ti de um jeito que não estava por ninguém há muito tempo... Que sei que só me apaixonei assim uma vez antes... Enfim...


Entende, vê, percebe, sente que te quero só para mim, adoro, desejo e...


Leãozinho preciso de ti! Morro de saudades tuas... Acho que vou ter um "treko" se não te vir, se não estiver contigo depressa!


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua!

Terça-feira, 17 de Maio de 2005

Dia vs Noite...

Não importa a noite se a lua não está presente...


O dia perde a luz se o sol está ausente...


De que me serve a vida se a vivo sem ti?


De que me serve acordar se não te tenho aqui?


Prefiro dormir e poder sonhar...


Prefiro dormir e não ter de acordar...


Nos meus sonhos posso te ver...


Nos meus sonhos posso te ter!


 


E preciso de ti junto a mim,


preciso de ti num momento sem fim...


Preciso de ti agora e para sempre...


Preciso de ti... É o que o meu coração sente!


 


Versos sem sentido ao sabor da saudade que assola o meu peito, saudade de um momento que não volta mais, que eu mesma não quero que volte, tenho medo que volte e termine de novo... Prefiro meus sonhos, a realidade, por vezes, assusta-me! Nada é mais levado a sério, ninguém quer nada sério... Vive a vida dizem eles... Eu também a vivo, mas com meus ideais... E tenho uma mentalidade muito aberta, talvez até mais aberta que muitos deles mas não, não quero me perder em borgas sem sentido, com pessoas que não conheço e sem objectivos... Não! Basta! Quero viver, não me chega existir, quero viver! Posso aproveitar a vida sem andar a brincar com ninguém, sem magoar ninguém... Posso me divertir sem mentir a ninguém, sem trair ninguém... Serei assim tão diferente de toda essa gente, da geração a que pertenço? Sou uma rapariga do novo milénio, de uma geração que luta por ser inovadora e diferente e depois só faz porcaria e é diferente sim, pelas piores razões... Por se drogar e isso ser banal, por engravidar aos 14 ou aos 15 anos e não ser nada de mal, por beber até não aguentar mais... Chega... Isso já é demais! Prefiro ser eu a ser como os outros! Sou assim... Eu mesma!


Acho que me perdi em divagações sem sentido...


Estava a ler um blog novo que me fez pensar... Acho que estou com ele e não estou mesmo, não namoramos nem nada do genero, porque sinto isto dentro de mim... De outra forma não me iria contentar com apenas isto, uma relação indefinida, um deixar andar que perdura no tempo... Não! Se não gostasse tanto dele não iria manter-me aqui assim, costumo ser muito pão pão queijo queijo... Ou estou ou não estou, não há lugar para meios termos... Com ele é diferente... Não me importa mais se namoro ou o que tenho com ele, só quero estar com ele... E não estou e tenho saudades e sinto-me a rebentar... Preciso de o ver, mesmo que por minutos preciso de o ver senão vou ficar maluca, não vou aguentar... Preciso beijá-lo e sentir que ele ainda sente algo por mim... Tenho saudades... Muitas saudades!


E perdi-me de novo em divagações, em desvaneios de menina apaixonada... Mas o que fazer? Estou apaixonada mesmo!


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua!

Segunda-feira, 16 de Maio de 2005

Mais uma semana que passa...

Mais uma semana que passou, mais 7 dias de trabalho intenso e esgotante... Apesar de tudo adoro o que estou a fazer, apesar de aturar certas reclamações mais efusivas adoro aquilo... Só há uma coisa que me deixa triste... Não me deixar tempo para ver aquele que preenche meu coração! Vou tentar estar com ele hoje e, se possivel, amanhã também! Morro de saudades daquele rapaz que abalou meu mundo, não suporto mais a falta que sinto de ver, tocar, beijar, aquele que tanto adoro, aquele que se passeia no meu coração e na minha mente dia após dia... Aquele que é o unico que não vê, que não entende, que estou "de quatro" por ele, apaixonada por ele, maluca por ele, "LoUkItAh" por ele! Para quem não sabe Loukitah é minha outra alcunha! E sonho com ele, acordada, a dormir, enquanto trabalho, enquanto estou nos transportes, em todos os momentos... Sonho com ele, dá-me força para enfrentar os dias, dá-me alegria e força para não responder quando os clientes, no trabalho, me chamam todos os nomes possíveis e imaginários... Abstraio-me daquilo e sonho com ele e a calma volta a invadir o meu espirito! Mas ele não vê isso, ele não percebe que o que sinto já ultrapassou a fase inicial de atração e encantamento, não vê que mesmo não estando fisicamente com ele estou sempre ali junto a ele e que ele está sempre comigo, no meu coração... Já disse aqui várias vezes que, para mim, a distância fisica não importa, custa como é obvio mas não importa...


Só sei que me apaixonei por este rapaz a quem chamo, aqui, carinhosamente de Leãozinho... Por causa do nosso Sporting e da equipa de futsal que ele representa e da qual sou simpatizante... Que não restem mais duvidas para ele do que sinto por ELE!


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua!

Terça-feira, 10 de Maio de 2005

Damn You Cause I Want You Soooo Much!

Porra Leãozinho só tu não vês o que sinto por ti, o que quero de ti, o que faria por ti... Só tu não sentes que te adoro, que te quero que preciso de ti, que te quero aqui... Será que não entendes que me apaixonei por ti? Será que não vês isso? Poxa, tenho de te levar ao oftalmologista lindo, não vês o que está estampado à tua frente... É obvio para todos que tu és especial para mim, que faria de tudo por ti, que te adoro demais... Quero-te na minha vida Leãozinho, hoje, amanhã, este mês, este ano, esta vida... Quero-te junto a mim meu anjo! Tenho vontade de te bater e de te beijar! Bater para que acordes e vejas o quanto gosto de ti e beijar porque... Tu sabes porquê... Sabes bem que teus beijos me deixam louca, maluca, apaaixonada... Sabes bem o que me dizer, o que me fazer... Já me conheces bem e ao mesmo tempo não me conheces... Estranho! Resumindo... ADORO-TE!


Desculpem-me o desabafo dirigido directamente a ele e comentem o que quiserem!


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua!

Segunda-feira, 9 de Maio de 2005

Só sei que sei que por ti me apaixonei...

Por mais que eu tente não pensar nisso sei que ele já não é meu... Talvez nunca tenha sido... Talvez eu o tenha perdido... Não sei! Sinto-o distante como se estivessemos em galáxias diferentes, sinto-o longe de mim como a lua está do sol... Quero o nosso eclipse de novo... O momento em que a lua e o sol estão juntos e se amam... Quero-o, o meu sol, para mim, ficar com ele num sonho sem fim! Mas não, sinto que não é igual, sinto que algo se passou e não, não é igual... O que eu não dava para estar com ele agora, vê-lo dormir junto a mim, poder tocar levemente naquela face linda e sorrir feliz!


As saudades torturam-me, doem tanto... Mas é assim a vida de dois trabalhadores e minha primeira semana foi puxada... Ele diz que não posso ter tempo para ele saindo a noite... Se ele soubesse! Fui porque eram duas festas de pessoas muito importantes para mim, de outra forma minha cama imperava que o trabalho rebenta comigo... E tenho saudades sim, muitas saudades... Dos toques, dos abraços, dos beijos, das caricias... De tudo! Mas aqueles beijos... Como eu sinto falta daqueles beijos que me fazem levitar uns centimetros acima do chão!


E estou aqui... 5 e 45 da manhã, acordada após mais um sonho com ele, após vê-lo junto a mim de novo... Não sei se amo ou odeio meus sonhos... É tão bom estar com ele neles mas porque tenho de acordar? Porquê? Não quero, deixem-me sonhar de novo... É tão bom sonhar...


Relembro com carinho a ultima vez que estive com ele... Já depois de tudo o que aconteceu, mesmo depois de ele ler esta lua e ver o que se passava dentro de mim... Há muito que não me sentia tão nervosa... Sem saber o que dizer... Mas fui, agarrei em mim e fui ter com ele ao trabalho dele! Tinha de o ver, acima de vontade era já uma necessidade, ver mais uma vez aqueles olhos lindos, contemplar mais uma vez aquele que eu tanto adoro... Falar com ele... Beijá-lo... Sinto falta de tudo isso e muito mais... Sinto falta dele! Sinto... Sinto que o adoro, que o quero, que o desejo, que gosto dele... Sinto tantas coisas que gostava de sentir também que sou 100% correspondida... Mas não, isso não sinto... Quem sabe um dia!


Enfim...


Vim para aqui escrever ao sabor dos sonhos, escrever o que meu coração quisesse, libertá-lo um pouco e deixá-lo voar, deixá-lo sentir tudo de novo... Tirar meu coração da caixinha onde o fechei durante esta semana!


Desculpem não passar muito mas tive uma semana complicada mesmo!


Beijinhos da vossa Sonhadora na Lua!

*Outros Sonhadores